Yorranna Oliveira

Achei a imagem aí de cima pesquisando no Google. E ela define perfeitamente um pouco do que eu sou e da proposta do blog: tem de tudo um pouco, e um pouco de quase tudo o que gosto. Aqui você vai encontrar sempre um papo sobre música, cinema, comunicação, literatura, jornalismo, meio ambiente, tecnologia e qualquer outra coisa capaz de me despertar algo e a vontade de compartilhar com vocês. Entrem e divirtam-se!

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Um dia. Uma noite.

São quase nove da noite. Balanço final do dia: esgotamento mental e físico. Como tratei:

- Película de celulose não plástica - 100% biodegradável;
- Produto de origem vegetal inodoro e inócuo;
- Alta transparência (95%);
- Não altera as características do trabalho/tabaco;
- Proporciona queima mais lenta;
- Dispensa cola.

Itens essenciais de sobrivência no mundo pós-moderno do manual aLeda.

E muitos balanços prometem novas formas de combate à tortura mental.
:)

5 comentários:

Gleidson Gomes disse...

Hein?!
Como assim esses ítens? rs
Atóron perígon

Pérolas da Comunicação disse...

rs...ora, meu bem...juras que não entendeu..tá bom...vou pedir pra tia maria te explicar.

Geisy disse...

Poxa wirley....até eu entendi....ñ dá p tu t fazeres de desentendido...rs

Agô disse...

Sugiro também utilizar plástico,tipo balão, com anel envolto, pra ser usado em dupla (no mínimo) em dreção ao céu e ao inferno, alternadamente, não necessariamente numa ordem definida.

Agô disse...

Sugiro também utilizar plástico,tipo balão, com anel envolto, pra ser usado em dupla (no mínimo) em dreção ao céu e ao inferno, alternadamente, não necessariamente numa ordem definida.