Yorranna Oliveira

Achei a imagem aí de cima pesquisando no Google. E ela define perfeitamente um pouco do que eu sou e da proposta do blog: tem de tudo um pouco, e um pouco de quase tudo o que gosto. Aqui você vai encontrar sempre um papo sobre música, cinema, comunicação, literatura, jornalismo, meio ambiente, tecnologia e qualquer outra coisa capaz de me despertar algo e a vontade de compartilhar com vocês. Entrem e divirtam-se!

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Resposta ao segundo comentário

Convites para participar da Semana foram feitos. Não participei por questões óbvias, falta de tempo. Durante a semana trabalho em dois lugares, um é a Secretaria de Estado de Comunicação, e o outro é a Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) e à noite estudo. Meus finais de semana, também, são atribulados. No sábado, participo do projeto de educomunicação da Revista Viração, um projeto apoiado pela Unesco e pelo Unicef, feito por e para jovens protagonistas em comunicação. Se eu tivesse tempo, com certeza participaria e ajudaria.

Você se equivocou profudamente na interpretação do meu comentário. Para uma estudante da área, isso é péssimo sinal.Não estou dizendo que sou perfeita, maravilhosa, o grande cérebro pensante. Minha postura é de quem vai a um evento e faz a sua análise, e tira suas conclusões. Jornalista, ou estudante de jornalismo é formador de opinião, critica, tira suas conclusões etc. Jamais vou deixar de comentar minhas impressões sobre qualquer assunto. Isso é liberdade de expressão, assegurada por um dos incisos do artigo 5º da Constituição Federal.

Problemas existem sim, só que alguns são imperdoáveis, vide o caso LFP. E se eu fosse criticada pela Semana, eu acataria as críticas, como sempre faço e fiz em tudo na minha vida, e procuraria melhorar.

A Feapa, de fato, tem uma Semana lamentável, e já fiz essa mesma crítica à organização. A faculdade precisa melhorar em muitas coisas, a começar pela cabeça de muitos de seus alunos. Alunos, os quais ainda não saíram da mentalidade provinciana do Ensino Médio, que não lutam por seus direitos, não fazem valer o dinheiro suado dos pais, entre outros infinitos pontos. Entretanto, começa nesse mesmo espaço acadêmico, um movimento de mudanças dessas estruturas, e novos cenários começam a se configurar.

Se as críticas incomodam, nada posso fazer. Dizem que jornalismo é isso, e quem pretende fazê-lo e quem escolheu esse caminho deve continuar em frente. Se incomoda, então a linha está correta. Afinal, verdades costumam, de fato, incomodar.
E mais uma vez, minha intenção foi fazer uma crítica construtiva e mesmo abrir discussão para a premissa de que só os alunos da Federal (como já cansei de ouvir e ver manifestações por aí) sabem organizar eventos, são os melhores alunos etc...Você já foi a uma entrevista de estágio? A primeira perguntar que lhe fazem é se você é aluno da Federal. Mas, claro, você quando consegue o estágio, prova depois sua competência. Porém, isso são outros quinhentos.

Já é válido o simples fato de haver manifestações contrárias ao que foi dito até agora.

Louvável, a iniciativa dos estudantes organizaram por sua conta e risco a Semana. Botar a cara a tapa demonstra atitude, engajamento e coragem (Falta isso a muitos [não todos] discentes da Feapa).Com certeza (assim espero) vão aprender com os erros, e nas próximas edições, corrigi-los e superá-los. Como disse antes, a Semana foi salva, na maior parte dos casos, pela qualidade dos componentes das mesas. Algumas deixaram a desejar, no entanto, 80% foram bastante proveitosas.

E, aliás, sobre os comentários negativos em relação ao Muvuca, eles vierem de ambos os lados. Conversei com vários participantes, que compartilham essa opinião. Durante o evento, ouvi conversas lamentáveis, um tanto exageradas até. A diferença básica reside em tornar isso público!

8 comentários:

Luís Azevedo disse...

Yorrana,
tenho alguns comentários pra fazer:
• não pude ir a esse evento, mais acabei sabendo dos prós e contras, e acredito que tudo tem seu lado positivo;
• não responda aos comentários em outro post, ultilize o mesmo "cometários";
• não critique as pessoas por não se identificar (apesar que sabemos quem foi), é isso que faz com que as pessoas escrevam o que tão afim de escrever;
• não prolongue baixarias no seu blog, tenha foco. (textos de assunto pessoal, acho que não rola tbm);
• e continue assim, dedicada, sem medo da vida, sabes que adoro esse seu jeito......

Obs.: O blog ta bombando, né? rsrsrsrrs

Abraço!!

Dahzinha Passos disse...

Concordo em boa parte com o post. Algumas falhas existiram sim, mais qual o evento não há falhas? Somos estudantes, estamos aqui para aprender. E é vivendo e dando a cara a tapa que se aprende. Com os acertos e principalmente com os erros. Publicar criticas, que sejam elas contrutivas, deveriam ser um ato de todos, afinal, é assim, juntando e analisando a opiniões de todos que participaram da organização da semana e outros estudantes, que também querem organizar uma semana na sua faculdade, vão saber que caminho seguir, para que alguns erros, como os que ocorreram no muvuca, não aconteçam mais. Vim aqui falar mal de uma ou outra instituição, ou de um ou outro aluno, não acrescentaram em nada em nossas vidas e em nossas mentes ( brilhantes elas ou não...rsrs ). Fato é que, muito dos alunos de instituições publicas, se acham mais capazes ou melhores do que outros que lutaram e lutam de varias formas para pagar ou entrar em uma faculdade particular para tentar participar da pequena porcentagem de pessoas com ensino superior nesse Brasil. Mais esses comentarios vindo por partes desses alunos/pessoas "ignorantes", devem ser apagados com os nossos esforços e conhecimentos adquiridos. Enfim, lá fora, independente de ser da publica ou da particular, o que vai fazer valer mesmo serão as experiências e os conhecimentos adquiridos não só durante os 4 anos de vida academica, mais durante nossas proprias vidas.

Pérolas da Comunicação disse...

Sim, tá bombando e espero que continue assim,hehehe

Pérolas da Comunicação disse...

Pois é Dada, o lance é que ninguém gosta de ser criticado, mesmo que seja de forma construtiva. Mas, o assunto já rendeu o que tinha que render. Estou feliz pela polêmica!

Túlio C. de Andrade disse...

Não sabia o local certo para postar meu humilde comentário... Não é relacionado a este texto, ao menos não apenas a este, mais a todos os demais... Achei suas letras muito atraentes de se ler, com linhas que nos prendem... Também sou estudante de Jornalismo e tb sou sagitariano... Tb estou começando a montar um blog sobre Jornalismo, mas ainda sou inexperiente nessa área virtual... Um gde abraço a vc, cara desconhecida e meus mais singelos parabéns pelos seus textos...

Pérolas da Comunicação disse...

Obrigada Túlio! Seu momentário me dá mais força para continuar escrevendo....E ainda olhando seu blog e me parece que temos mais coisas em comum do que signo e curso!
Abraços!

ALTINO MACHADO disse...

Mocinha, estou feliz ao constatar que voce acompanha meu bloguinho. Qual o seu e-mail? O meu está no blog. Bom trabalho! Parabéns.

Pérolas da Comunicação disse...

Obrigada! Acompanho desde que entrei na faculdade(indicação de um professor e grande jornalista).
Email: yorrannaoliveira68@gmail.com